O que é ceracotone?

A visão é um bem que todos os seres humanos devemos estar atentos. Infelizmente existem diversas doenças que que atingem os olhos e que podem ser progressivas, se não tratadas. A Ceratocone é uma doença progressiva que atinge muitas pessoas.

Ceracotone é uma doença ocular que faz com que se enxergue de forma distorcida, isso ocorre porque a espessura da córnea é atingida, fazendo com que a elasticidade fique comprometida. A doença se evolui e acaba gerando uma baixa da visão, além da progressão da miopia e astigmatismo.

Saiba mais: http://visarerio.com.br/cirurgias/ceratocone/

Conheça os principais sintomas da Ceratocone

Existem alguns sintomas que podem ser característicos da ceracotone, como dores de cabeça, coceira nos olhos, mas um dos principais sintomas é enxergar de forma distorcida. O que provoca essa visão distorcida é alteração da espessura da córnea.

Existe tratamento para Ceratocone?

Sim, existe. Hoje em dia a medicina conta com algumas alternativas, tudo isso vai depender do diagnóstico do médico. O primeiro tratamento é o uso de óculos e lentes de contato. No entanto, em alguns casos será necessário fazer cirurgia.

Os óculos são indicados quando a doença ainda está no início, a partir do momento em os óculos já não estão mais tendo resultados satisfatórios para o paciente, o médico pode prescrever uso de lentes de contato específicas para quem tem ceratocone.

Outros tratamentos para a Ceratocone

Depois de muitas pesquisas, a medicina vem criando novas possibilidades para quem tem ceratocone.

Além do óculos e lente de contato, existe um outro tratamento para Ceratocone, que se chama Crosslinking, um novo tratamento indicado pela medicina. O procedimento permite que se faça o aumento da resistência e elasticidade da córnea, que são afetadas pela ceratocone.

Com o Crosslinking é possível retardar o progresso da doença. Em muitos casos, é possível que o progresso pare por completo.

A cirurgia e o transplante de anel corneano são outros tratamentos possíveis para acabar com a doença. O transplante do anel corneano é geralmente indicado quando a doença está em estágios mais avançados.

Além do transplante, existe uma possibilidade de tratamento que é segura, se chama implante de anel corneano, que é um procedimento com bons resultados.